Skip to content

“Que tua graça nos preceda” – Jan Hus

Jan Hus at the Council of Constance (Johann Hus im Vorverhör zu Konstanz 1414/15 / Johann Hus auf dem Konstanzer Konzil / Jan Hus al Concilio di Costanza / João Huss no Concílio de Constança), 1845, Karl Friedrich Lessing

Jan Hus at the Council of Constance (Johann Hus im Vorverhör zu Konstanz 1414/15 / Johann Hus auf dem Konstanzer Konzil / Jan Hus al Concilio di Costanza / João Huss no Concílio de Constança), 1845, Karl Friedrich Lessing  (German Romantic Painter, 1808-1880), oil on canvas, 94 x 135,9 cm, Museum Kunstpalast, Düsseldorf, Germany. Large size here.

O reformador Jan Hus (1372-1415), nascido em Husinec, que localizava-se na atual República Checa, foi grande teólogo e pregador do evangelho. Ele foi também Reitor da Universidade de Praga. Já no final de sua vida, quando estava na prisão de Constança (Konstanz, no sul da atual Alemanha), Hus fez a seguinte oração:

Ó Cristo santíssimo, atrai-me a ti, fraco como sou, porque, se não nos atrais, não podemos seguir-te. Fortalece meu espírito, para que ele seja disposto. Se a carne é fraca, que tua graça nos preceda; venha junto e siga, pois sem ti não podemos ir, por amor a ti, à morte cruel. Dá-me um coração destemido, uma fé pura, uma esperança firme, um amor perfeito, para que por ti eu entregue minha vida com paciência e alegria. Amém.

Em 6 de julho de 1415, o reformador tcheco Jan Hus foi condenado à fogueira, sem nunca ter perdido de vista a sua vocação.

[A oração de Hus foi extraída da seguinte obra: HUS, John, carta 73. In: The Letters of John Hus, 53. Apud LAWSON, Steven J.. Pilares da Graça. Trad. Valter Graciano Martins. São José dos Campos (SP): Fiel, 2013, p. 480]