Skip to content
Anúncios

Eugène Manet e Julie – Berthe Morisot

Eugène Manet and His Daughter at Bougival, 1881, Berthe Morisot

Eugène Manet and His Daughter at Bougival, 1881, Berthe Morisot (French Impressionist Painter, 1841-1895), Oil on canvas, 73 x 92 cm, Musée Marmottan Monet, Paris, France

Berthe Morisot (1841-1895) foi uma pintora impressionista francesa. Em sua trajetória como pintora, ao conhecer o pintor Édouard Manet (1832-1883), posou para ele como modelo e apaixonou-se por Eugène, irmão do pintor, com quem se casou. Os biógrafos relatam que “o casamento de Berthe e Eugène foi muito feliz”. Numa carta que ele escreveu consta a promessa: “Vou mimar você a vida inteira”. E cumpriu o que prometeu.

Eugène dedicou-se a apoiar Berthe em tudo que lhe era possível. Era ele quem preparava os catálogos sobre a obra da artista, quem tratava das exposições e quem permitia que ela não tivesse outra preocupação a não ser pintar. Homem de posses, proporcionou à esposa uma vida confortável. O casal teve uma única filha, Julie, criança que, desde o nascimento, foi o mais importante tema para as telas e desenhos de sua mãe.

Eugène Manet and his Daughter in the Garden, 1883, Berthe Morisot

Eugène Manet and his Daughter in the Garden, 1883, Berthe Morisot (French Impressionist Painter, 1841-1895), Oil on canvas, 73 x 92 cm, Private Collection

Julie nasceu em 1879, quando Berthe estava com trinta e sete anos. Em 1892, quando Julie estava com treze anos, morreu Eugène deixando Berthe inconsolável. Sua tristeza pela perda do marido a acompanhou até o fim de seus dias. Dedicou-se então à filha, tornando-se ambas muito unidas, e à sua arte.

Neste post trazemos duas telas por meio das quais temos acesso ao olhar da esposa e da mãe.

Anúncios